Citações em imagens: Há grandeza em reconhecer os próprios erros

“…reconhecer publicamente que se cometeu um equívoco; abjurar ideias anteriores já publicadas, e tudo isso sem que haja pressão ou interesse, unicamente porque a verdade se tornou clara, eis o que se pode chamar a verdadeira coragem da opinião, principalmente quando se tem um nome conhecido. Agir assim é peculiar aos grandes caracteres que só eles sabem colocar-se acima dos preconceitos.

Todos os homens podem enganar-se, mas há grandeza em reconhecer os próprios erros, ao passo que há mesquinhez em perseverar numa opinião que se sabe falsa, unicamente para ostentar, aos olhos do vulgo, a supremacia da infalibilidade.

Tal prestígio não poderia iludir a posteridade, que arranca impiedosamente todos os ouropéis do orgulho. Só ela funda as reputações; só ela tem o direito de inscrever no seu templo: “Este era realmente grande pelo espírito e pelo coração.” Quantas vezes, também, não escreveu ela: “Este grande homem foi muito mesquinho.”

(Allan Kardec. Revista Espírita, julho de 1858 – Correspondência)

Compartilhe