A importância que o homem atribui aos bens temporais

A importância que o homem atribui aos bens temporais está na razão inversa de sua fé na vida espiritual; é a dúvida sobre o futuro que o leva a procurar suas alegrias neste mundo, satisfazendo suas paixões, ainda que às custas do próximo.

Allan Kardec: O Espiritismo em sua mais simples expressão – 39

Compartilhe