Citação em texto: existências anteriores e o estudo de si mesmo

Embora o homem não conheça os próprios atos que praticou em suas existências anteriores, sempre pode saber qual o gênero das faltas de que se tornou culpado e qual era o seu caráter dominante. Basta estudar a si mesmo e julgar do que foi, não pelo que é, mas pelas suas tendências.

Allan Kardec. O Livro dos Espíritos, item 399.

Compartilhe