Paralisar a marcha do progresso

O homem não tem o poder de paralisar a marcha do progresso, mas pode, às vezes, embaraçá-la. Os que tentarem deter a marcha do progresso serão levados de roldão pela torrente que procuram deter.

(Allan Kardec – L.E., 781 e 782)

Compartilhe