P&R: Como julgar os Espíritos?

Como julgar os Espíritos?

“4º Como os homens, os Espíritos são julgados pela sua linguagem. Toda expressão, todo pensamento, toda máxima, toda teoria moral ou científica que choque o bom-senso ou não corresponda à ideia que fazemos de um Espírito puro e elevado, procede de um Espírito mais ou menos inferior.”

Allan Kardec. Revista Espírita, outubro de 1858.

Compartilhe