P&R: O que constitui um médium seguro ou um bom médium?

O que constitui um médium seguro ou um bom médium?

O médium seguro, aquele que pode ser realmente qualifi­cado de bom médium, é o que aplica a sua faculdade, buscan­do tornar-se apto a servir de intérprete aos bons Espíritos.
O poder que tem o médium de atrair os bons e repelir os maus Espíritos, está na razão da sua superioridade moral, da posse do maior número de qualidades que constituem o ho­mem de bem; é por esses dotes que se concilia a simpatia dos bons e se adquire ascendência sobre os maus Espíritos.

Allan Kardec – O que é o Espiritismo? » Capítulo II – Noções elementares de Espiritismo » Qualidades dos médiuns » 84.

Compartilhe