Vaidade: O Espiritismo em sua mais simples Expressão – n.37

Vaidade: O Espiritismo em sua mais simples Expressão – n.37

37. O egoísmo, o orgulho, a vaidade, a ambição, a cupidez, o ódio, a inveja, o ciúme, a maledicência são para a alma ervas venenosas das quais é preciso a cada dia arrancar algumas hastes, e que têm como antídoto: a caridade e a humildade.

Retornar ao índice da letra V

Compartilhe